Visualização de vídeos

Os vídeos e músicas postados neste espaço podem não ser visualizados em versões mais recentes do Internet Explorer, sugiro a utilização do Google Crome, mais leve e rápido, podendo ser baixado aqui.

terça-feira, 7 de setembro de 2010

Samba da Benção


Há na música universal algumas canções que tem sua gravação definitiva, quase sempre a primeira com seus autores, num arranjo original.

Se alguém tenta regravá-la certamente fará um trabalho aquém do original, até porque hoje, não sei se por falta de interesse das gravadoras, falta de competência  dos músicos ou mesmo preguiça, já não são utilizados os recursos que estavam à disposição dos artistas de ontem.

Esta gravação de Samba da Benção, do disco Vinicius de Moraes & Odete Lara de 1963 é um destes exemplos, sendo até hoje a versão mais tocada em rádios ou em compilações.

O ritmo, o coro e a exaltação aos amigos no final, fazem desta versão, para mim, a definitiva.


Vinicius de Moraes & Odete Lara

Mas há uma gravação de Bebel Gilberto no disco Tanto Tempo de 2000 em que ela faz uma linda versão do Samba da Benção.

Sabendo que nunca conseguiria o resultado da versão clássica, mexeu no ritmo, nos instrumentos e abandonou a forma de samba, adotando a cadência de uma doce balada.

Conseguiu então um resultado de se admirar, sendo muito bem executada já há 10 anos.

Bebel Gilberto

5 comentários:

  1. adoro, macário. bom começar minha independência assim.
    beijos.

    ResponderExcluir
  2. A balada de Bebel Gilberto é gostosa de ouvir, mas a versão samba do Vinicius é inigualável. Saravá meu pai!

    ResponderExcluir
  3. Amo tuas escolhas, sempre perfeitas!

    ResponderExcluir
  4. É UMA VERDADEIRA BENÇÃO.COMO FAZ BEM,OUVIR ISTO.
    E UM POEMA

    ResponderExcluir
  5. Oi Macário,
    Já estamos seguindo seu blog,adoramos!
    Além do nosso site também temos um blog onde postamos vários artigos sobre o mundo da arte: http://www.gravurasniemeyer.blogspot.com
    Te esperamos lá!
    Bjo
    Flávia Niemeyer e Luciana Lacerda

    ResponderExcluir