Visualização de vídeos

Os vídeos e músicas postados neste espaço podem não ser visualizados em versões mais recentes do Internet Explorer, sugiro a utilização do Google Crome, mais leve e rápido, podendo ser baixado aqui.

segunda-feira, 24 de agosto de 2015

Kandinsky - Tudo Começa Num Ponto

Esta á a segunda exposição seguida apresentada pelo CCBB que usa como atrativo o nome de um grande artista para mostrar obras de seus pares, contemporâneos ou que influenciaram ou foram influenciados por eles, vide Picasso e a modernidade espanhola.

A mostra nos traz obras de várias fases do trabalho do artista, desde o figurativismo até seu auge no abstracionismo.

É muito interessante apreciar as trabalhos dos outros artista presentes, de uma beleza e força raras vezes vistas no país e que chegam a ser até mais interessantes que as do homenageado.

Um belo passeio que com a solução encontrada pelo agendamento de horários para a visita, torna-se divertido e nada cansativo. 
 Suite für Klavier op. 25 -  Gigue- Rasch (Schoenberg)

Imagens fornecidas pela assessoria de imprensa do evento.










4 comentários:

  1. Adorei a exposição!!! Para o meu gosto, Kandinsky figurativo é muito melhor do que o abstrato. bjs,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ana Lúcia, também achei.
      Obrigado pela companhia. Bjs.

      Excluir
  2. Sempre achei a primeira fase de Kandinsky mais interessante que a fase que o consagrou. Gostava mais quando ele brincava com grossas massas de cores e iludia o espectador com a ausência de tons coerentes, do que com as figuras geométricas que se tornaram o carro-chefe de sua fase final.
    Talvez seja meu lado figurativista, mas, sempre pensei assim.
    De qualquer forma, é sempre bom ver a ótica de outros artistas. Invejo vocês pelas muitas oportunidades de fazerem isso!

    ResponderExcluir
  3. Oi José,

    Muito obrigado pela visita e pelo sempre oportuno comentário.
    Também prefiro sempre as fases figurativas da maioria dos artistas que depois partem para outras experimentações, me prendem mais a atenção e me trazem mais emoção.

    Abraços.

    ResponderExcluir