Visualização de vídeos

Os vídeos e músicas postados neste espaço podem não ser visualizados em versões mais recentes do Internet Explorer, sugiro a utilização do Google Crome, mais leve e rápido, podendo ser baixado aqui.

sexta-feira, 13 de agosto de 2010

Além dos limites - Ricardo Stumm

Esta é a outra excelente mostra em cartaz na Caixa Cultural, de um artista que encontrou sua forma de expressão e se aprimora dentro dela.

Ricardo Stumm começou uma carreira premiada como gravurista em Porto Alegre, de onde partiu, para a Espanha e França onde se dedicou aos estudos e ao aprimoramento de suas técnicas, tendo recebido vários prêmios ainda dentro desta escola.

Tendo abraçado a escultura, com especialização em fundição de bronze, penso que abriu uma larga estrada para criar Arte em seus melhores sentidos.

As obras expostas são de uma beleza e delicadeza ímpar, que nos instiga e faz pensar.

A Escultura Brasileira, com toda a sua tradição, está muito bem representada neste artista que, não só mantém, como engrandece sua história.



Quebra Pedra - Mario Adnet (Jobin Jazz)


Abaixo das imagens fornecidas pela assessoria de imprensa da Caixa Cultural, o "press-release" dos curadores com informações adicionais sobre o artista e sua carreira.












CAIXA CULTURAL SÃO PAULO APRESENTA A MOSTRA “ALÉM DOS LIMITES” DE RICARDO STUMM
O artista realiza workshop sobre a técnica da fundição em bronze, especialidade do artista
A Caixa Cultural São Paulo apresenta do dia 18 de julho a 29 de agosto de 2010 a exposição “Além dos Limites”, que conta com 16 esculturas em bronze do artista plástico Ricardo Stumm. Trata-se da última série desenvolvida pelo escultor onde inspira-se na expressão corporal e reflete a necessidade do ser humano de extrapolar seus próprios limites, conquistar novos espaços e relacionamentos.
Partindo do corpo escultural humano até certo encontro com a abstração, a composição permite tanto elevar-se a uma perspectiva cósmica como penetrar fundo na terra. Com a maestria de um animador, Stumm manipula toda esta energia e cria quadro a quadro uma dança imaginária e dramática.
Formas de inspiração biológica, geometrias e às vezes pequenos personagens que surgem na sombra, curiosos seres que animam a cena com sua ingênua presença.
Para desenvolver as peças, o artista fotografa modelos em movimento, colocados dentro de tecidos elásticos. As imagens servem como referência para a modelagem das esculturas em argila, que na etapa final são fundidas em bronze, na fundição do próprio artista.
O processo criativo do artista também poderá ser conferido na mostra. A exposição das esculturas é complementada com fotos e desenhos dos modelos vivos.
Ficha Técnica
Concepção das obras: Ricardo Stumm
Fundição: Tacello Fundição Artística
Currículo do artista
1980 - Curso de pintura e artes gráficas em Indianápolis (EUA),
realizando os estudos de 2º grau em High School.
1981 - Estudo de anatomia com modelo vivo na escola “CRESÇA” com Glênio Bianchetti, Brasília.
1983 - Curso de desenho da figura humana e pintura no Centro Municipal de Cultura, Atelier Livre de Porto Alegre.
1985 - Iniciação às técnicas de gravura em metal com os professores Armando Almeida e Danúbio Gonçalves, no Centro Municipal de Cultura, Atelier Livre de porto Alegre.
1992 - Curso de Artes Gráficas na Academie Julian Met de Pennighen Ècole Supériere d’Arts Graphique et Architecture Intérieure, Paris.
1993 - Curso de Comunicação Visual no Institut Supérieur d’Arts e Publicité ISAP, Paris.
1998 - Curso de escultura e formas com a professora Denise Nachif de São Paulo.
2003 - Curso avançado de Modelagem em escultura com o professor Israel Kislanski em Brasília.
2004 - Especialização em fundiçao de bronze, técnica cera perdida, na Escuela Massana de Barcelona (Espanha), com o professor Joaquim Manuel Chavaria.
2005- Curso de Fundição em cera perdida com lama cerâmica no Centro tecnológico do Senai de Itauna – Minas Gerais.
Exposições Individuais
1987- Exposição de gravura na Universidade de Santa Cruz do Sul RS
1987- Exposição de Gravura no Atelier Livre da Prefeitura, Porto Alegre
1989- Exposição de Gravura e pintura na casa Thomas Jefferson, Brasília
1992- Exposição de Gravura no Atelier Livre de Porto Alegre
1992- Exposição de gravuras no Cult Café em Brasília
1995- Exposição de Gravuras “Le tour du monde d’Arts au Centre Culturel
Pierre Poiret, à la ville de Gonesse, região Parisiense - França
1996- Exposição “Andanças” pinturas no Centro Cultural de Santa Cruz RS
1997- Exposição de gravuras e pinturas na Casa da Cultura de Paracatu MG
1998- Exposição de esculturas, gravuras e pintura, Liberty mall, Brasília
1999- Exposição de esculturas “Arte ao Ar Livre” no parque da Cidade, Brasília
2003-Exposição Dom Quixote, gravura e escultura, no Clube de Golfe
2005- Exposição de esculturas no Banco do Estado do Rio Grande do Sul Brasília
2005- Exposição no Espaço Cultural do Ministério das Finanças em Lisboa – Portugal
2005- Exposição de gravura, pintura e esculturas em bronze na Casa D’Italia - Brasília
2006- Exposição de esculturas “Musas e Mandalas” Casa Thomas Jefferson – Brasília
2007- Exposição “Deusas e Guerreiros” – Câmara dos Deputados – Brasília
2008- Exposição “Musas” Ministério da Previdência – Brasília
2009- Exposição “Além dos Limites” Espaço Chato Fundação Assis Chatobriand BSB
Prêmios
1989 - Prêmio no salão de gravura “PRIMEIRA MÃO” de Santos - São Paulo
1990 - Prêmio no “SALÃO DA GRAVURA” de Curitiba -PR
1991 - Prêmio no salão “MINI PRINT” de Cadaques - Barcelona, Espanha
1995 - Primeiro lugar no concurso de cartazes da Cidade Universitária de Paris para a “FÊTE DE NATION”
1995 - Primeiro lugar no concurso de cartazes organizado pela UNESCO “ANNÉE DE NATIONS UNIES POUR LA TOLÉRANCE AU QUOTIDIEN” (ONU) - Paris
Sobre o artista
Radicado em Brasília, o escultor gaúcho tem carreira internacional e muitas andanças pelo velho mundo.
Gravuras premiadas na Espanha e design gráfico em Paris, onde estudou na Academie Julian e recebeu o prêmio do concurso internacional de cartazes da ONU pela tolerância, organizado pela Unesco.
Retornou ao Brasil em 1995, estabelecendo-se na capital federal e coloca em ebulição toda a bagagem adquirida em suas vivencias no além mar. Começa a pesquisar as formas tridimensionais, em especial a escultura em bronze.
Inaugurou a primeira fundição artística de Brasília, a Tacello, especializada na produção de esculturas com a técnica da cera perdida, em bronze e alumínio.
Stumm esteve em 2004 na Espanha, onde se especializou em fundição de bronze, na Escuela Massana de Barcelona.
SERVIÇO:
Exposição “Além dos Limites”, de Ricardo Stumm
Abertura para convidados e imprensa: 17 de julho de 2010, às 11h
Visitação: de 18 de julho a 29 de agosto de 2010
Horário de visitação: de terça-feira a domingo, das 9h às 21h.
Dia e horário do workshop: 20 de julho de 2010, das 9h às 18h
Local: CAIXA Cultural São Paulo (Sé) - Galeria Florisbela - Praça da Sé, 111 – Centro – São Paulo/SP
Informações, agendamento de visitas mediadas, inscrições para workshop e translado (ônibus) para escolas públicas: (11) 3321-4400
Acesso para pessoas com necessidades especiais
Entrada: franca
Recomendação etária: livre
Patrocínio: Caixa Econômica Federal

5 comentários:

  1. Parabéns pelo blog Macário!!!
    Está cada vez melhor!

    ResponderExcluir
  2. Macário passei para conhecer seu blog ele é not°10, show, espetacular desejo muito sucesso em sua caminhada e objetivo no seu Hiper blog e que DEUS ilumine seus caminhos e da sua família
    Um grande abraço e tudo de bom
    Ass:Rodrigo Rocha

    ResponderExcluir
  3. Lindas! Afff de perto deve ser fabulosas essas esculturas! bjs

    ResponderExcluir
  4. José Angel Silva Delgado23 de março de 2015 10:53

    Macário, é possivel me conseguir o endereço do ateliê do Ricardo ou telefone para contato

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá josé,

      Consegui o email a seguir via facebook, rstumm2012@gmail.com , tente por aí, se não conseguir, ele mantém uma página lá, https://www.facebook.com/stummescultor/info?tab=page_info . Espero ter te ajudado.

      Abraços.

      Excluir